Resenha - Ecos da Morte

Ela ouviu o pai ofegar no mesmo instante em que reconheceu o que tinha descoberto. Sentiu que as fortes mãos paternas lhe alcançavam por trás, puxando-a firmemente pelos ombros para longe da terra recentemente revolvida e envolvendo-a com seus braços firmes e seguros... longe do som que a chamava.
E longe do rosto da garota que, de baixo da terra, erguia o olhar para ela.
Comecei a ler Ecos da Morte com uma boa expectativa do que estava por vir, mergulhei na história de Violet sem medo e não me decepcionei em momento algum. Apesar de ter encontrado algumas coisas que me incomodaram um pouco durante a leitura, o livro conseguiu me prender até seu final com muito suspense e romance, claro.

Ecos da Morte, primeiro volume da série The Body Finder, acompanha a história de Violet Ambrose, que possui o mórbido dom de sentir ecos vindos dos mortos, mas somente daqueles que foram assassinados. Violet sempre conseguiu controlar bem seu dom, mas isso muda após garotas começarem a desaparecer por toda região e ser constatado que tais desaparecimentos são obra de um serial killer.

Além disso, Violet também passa a ter de lidar com os problemas comuns de adolescente. Como sua paixão secreta pelo melhor amigo Jay. E é com esse misto de suspense e romance que Kimberly Derting nos brinda com uma história envolvente do início ao fim.

Uma das coisas que no início da leitura achei que iriam me incomodar era o excesso de romance, mas isso definitivamente não aconteceu. Kimberly soube de maneira fantástica ministrar os momentos de tensão que envolvia os assassinatos e os sentimentos de Violet por Jay.

Outro grande acerto é a própria Violet, nela vemos verdadeiramente uma adolescente. Ela tem problemas de adolescente e vive como tal, mas também sabe ser madura quando deve ser. Ela não é uma personagem caricata como muitas que vemos por ai. E o mesmo acontece com Jay e Chelsea, amiga de Violet que apesar de não ter muito destaque no livro se tornou uma de minhas personagens favoritas por conta de sua personalidade.

No livro também temos alguns capítulos pelo ponto de vista do assassino que torna o mistério em volta dele muito maior e ajuda a aumentar o suspense ainda mais. Inclusive em determinado momento Kimberly usa um jogo de palavras tão bom que chegou a me deixar em choque antes de perceber tal jogo.

Um dos poucos, se não o único ponto que me incomodou durante a leitura foi o fato de todas as garotas da escola possuir um interesse por Jay. Todos os dias ao chegar à escola um bando delas estavam na frente da escola esperando pelo garoto e ainda o perseguia nos intervalos das aulas. E nem mesmo aquelas que possuíam namorados estavam fora desse meio. Entendo o motivo da autora nisso, gerar ciúmes em Violet, e funcionou, mas creio que ela exagerou um pouco.

Lançado pela Editora Intrínseca, Ecos da Morte se mostrou um ótimo livro recheado de suspense e romance. Agora nos resta aguardar os próximos volumes da série, dos quais três já foram lançados lá fora e um quarto está previsto para 2013. 

7 comentários:

Andressa Tomaz disse... [Responder Comentário]

Oi Will!
Já tinha ouvido falar muito no livro também, e vi a capa na livraria no sabádo! É linda com aquela flor azul fosca né?
Não sabia do que se tratava a história ainda, apesar de ter uma ideia pelo título do livro (não gosto de ler sinopses).
Realmente parece um pouco forçado isso de todas as garotas estarem afiim do mesmo cara. isso geralmente ocorre em romances, mas acho bastante clichê.
Gostei bastante da sua resenha, espero ler o livro algum dia!

Beijos!

L@r! disse... [Responder Comentário]

Não vejo a hora poder ler esse livro! Mas a minha pilha tá tão grande que nem sei quando vou conseguir =( ...
Enfim,amei a resenha!Me deu vontade de pegar o livro e começar a ler agora para saber como é esse serial killer,como ela tem esses ecos da morte,como é o romance entre Violet e Jay,e também pra saber porque #TodasQuerem o Jay.KKKKKKKKK =P

Zilda Mara Peixoto disse... [Responder Comentário]

Acho o enredo desse livro fantástico,fora a capa dele que é lindíssima.Tenho muita vontade de lê-lo,porém falta é verba para poder comprá-lo.Enfim,adorei a resenha.Bem elaborada e muito rica em detalhes!
Bjs!
Zilda Mara
Cachola Literária

Sonhos em Tinta [Brenda S.] disse... [Responder Comentário]

Oi, adorei sua resenha! Me deixou ainda mais curiosa pra ler *.*

Parabéns!!! hehe
Abraço

Caíque Fortunato disse... [Responder Comentário]

Oi Will, o livro parece ser legal, não me interessei muito por ele, mas se um dia tiver a oportunidade de ler ele falarei com vc o que achei ok?

Mas sua resenha ficou muito boa, parabéns! Seu blog é muito legal!

http://entrepaginasdelivros.blogspot.com/

Nessa Teixeira disse... [Responder Comentário]

Oi Will *-*, Tudo bom? Estou retribuindo a visitinha e o comentário!
Eu amei sua resenha, eu estou loucas para ler
"Ecos da Morte" definitivamente é o meu tipo de
livro!

Adorei seu blog,
e já estou seguindo.

Beijos,
Nessa.
http://cantinhodelivros.blogspot.com

Jonas N. disse... [Responder Comentário]

Parece ser uma leitura bem interessante já que faz meu gênero literário xD
Vou ler!

Postar um comentário